O que visitar, onde e quando visitar a Ilha de São Jorge nos Açores

O que visitar, onde e quando visitar a Ilha de São Jorge nos Açores
Publicado por:   Toni Martins
Esta Rota foi consultada:   3450X
Época recomendada:   Todo Ano
Duração recomendada:   4 dias
Desde que visitei a Ilha de São Jorge pela primeira vez em 2012 que fiquei deslumbrado com tanta beleza.
Aproveitando agora, novembro de 2022 a oportunidade de visitar novamente, não hesitei.
Para chegar na ilha de São Jorge tem 2 opções a partir do continente.
Em voo com escala na ilha de São Miguel ou na ilha Terceira ou voo direto para a Ilha do Faial e depois em ferry da Cidade da Horta para Velas em São Jorge.
Eu optei pelo voo Lisboa/Faial e depois ferry para São Jorge uma vez que tinha planeado visitar as 3 ilhas do grupo central (Faial, Pico e São Jorge).
Nesta época do ano em ambas as opções pode acontecer que o mau tempo obrigue a uma noite extra, seja no Faial ou na Terceira ou São Miguel.
É bom não esquecer que tal como dizem os açorianos estas ilhas têm as 4 estações num dia e pode sempre acontecer apanhar mau tempo e ter de pernoitar uma noite na escala.
A Ilha de São Jorge, é sem dúvida uma das mais bonitas em termos paisagísticos.
Para visitar a ilha não deixando nada por ver, deve organizar-se de maneira a poder ficar pelo menos 4 dias, no inverno talvez seja melhor pensar num programa para 5 ou 7 dias principalmente se gosta de fazer caminhadas.
A minha recomendação pessoal é a seguinte:
1 dia - Ponta dos Rosais, Parque das Sete Fontes, Miradouro do Baloiço, Fajã João Dias.
2 dia - Fajã dos Cubres, Fajã da Caldeira de Santo Cristo
3 dia - Fajã dos Vimes, Fajã dos Bodes, Cascata do Cruzal e Topo
Pico da Esperança - Dependendo do clima, só deve visitar o Pico da Esperança quando o céu estiver limpo, quando estiver a fazer qualquer uma as visitas informadas acima, assim que ter a certeza e informação de que o Pico da Esperança está limpo, interrompa o programa e vá fazer o Pico.

É aconselhável sair sempre cedo (entre 8:30 e 9:00) porque quando há bom tempo normalmente é de manhã, mas não esqueça que o clima é muito imprevisível.

A melhor maneira de visitar a ilha de São Jorge é alugando um carro e partir à descoberta. (Não deve ter receio pois não se vai perder e o GPS do seu telefone tem todas as informações necessárias).
No meu caso aluguei o carro logo no Faial e segui de ferry para as outras ilhas. É mais comodo quando se tem de levar malas e o preço talvez justifique caso o seu voo seja para o Faial.
Outra maneira e a mais recomendada para pequenos grupos é contratar os serviços de uma agência que os vai levar a todos esses locais e ainda vos vai explicar detalhadamente informações importantes relacionadas com usos, costumes e tradições de cada um dos locais a visitar.

A ilha de São Jorge não oferece muitas opções de alojamento, por isso principalmente na época alta, deve reservar com alguma antecedência.
Como recomendação e por experiência pessoal aconselho a tentar alojamento na Vila de Velas porque à noite é onde vai ter alguma coisa que fazer.

Nos conteúdos abaixo vai encontrar informação detalhada de cada um dos locais a visitar e restaurantes onde comer.

É importante levar bom calçado para caminhar mesmo que não vá fazer grandes caminhadas, se for em épocas fora do verão convém levar roupa adequada para o frio e chuva.

A Viagem

Vila de Velas, Ilha de São Jorge

  Paisagens nas redondezas da vila de Velas  
Velas
  Rua do centro histórico de Velas  
Velas
  Jardim da vila de Velas  
Velas
  Pormenor da beleza das flores do jardim da vila de  
Velas
  Jardim da vila de Velas  
Velas
  Rua do centro histórico de Velas  
Velas
  Paisagens nas redondezas da vila de Velas  
Velas
  Paisagens nas redondezas da vila de Velas  
Velas
  Paisagens nas redondezas da vila de Velas  
Velas
  Paisagens nas redondezas da vila de Velas  
Velas
  Panorâmica da Vila de Velas  
Velas
  Panorâmica da Vila de Velas  
Velas
  Igreja Matriz de São Jorge  
Velas
  Igreja Matriz de São Jorge  
Velas

Tendo sido edificada em 1460, Velas, foi elevada à categoria de vila por volta de ano de 1500. A vila de Velas, é onde vai encontrar o maior aglomerado habitacional da Ilha de São Jorge.
Um passeio a pé pela parte baixa e histórica da vila é algo que não pode deixar por fazer, também é em Velas que vai encontrar mais movimento, mais opções onde comer (não quer dizer que sejam os melhores), mas visitar o porto e a marina é algo que não deve perder.
Algo que vai encontrar em Velas e em toda a Ilha, é limpeza, as ruas muito limpas assim como as estradas ao longo da ilha.
Comentar Vila de Velas, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Vila de Velas, Ilha de São Jorge


Farol da Ponta dos Rosais, Ilha de São Jorge

  Vigia da Baleia, Ponta dos Rosais  
Rosais
  Ponta dos Rosais  
Rosais
  Ponta dos Rosais  
Rosais
  Promontório da Ponta dos Rosais  
Rosais

Vale imenso a pena visitar não só o Farol da Ponta dos Rosais mas também aquela ponta da ilha, antes mesmo de chegar ao Farol tem um dos pontos onde antigamente ficavam olhando o mar à espera de observar as baleias e cachalotes para avisar as embarcações baleeiras que esperavam para as caçar.
O Farol tem toda a sua história, Foi inaugurado a 1 de Maio de 1958, mas em 1964 foi temporariamente abandonado pelos seus habitantes aquando da crise sísmica dos Rosais e da erupção submarina que então ocorreu nas suas proximidades. Passada a crise, permaneceu habitado até 1 de Janeiro de 1980, sendo então definitivamente evacuado na sequência dos desabamentos de falésias provocados pelo terramoto de 1980.
Comentar Farol da Ponta dos Rosais, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Farol da Ponta dos Rosais, Ilha de São Jorge


Parque florestal das Sete Fontes, Ilha de São Jorge


O Parque Florestal das Sete Fontes localizado quase na Ponta dos Rosais é um parque densamente arborizado com diversos espaços de lazer. Percorrendo o parque vai encontrar vários lagos e várias nascentes. Não esqueça de ao visitar o parque levar pão para alimentar o patos. È muito interessante ver que assim que alguém se aproxima os patos saem dos lagos em direção às pessoas à espera de receber pão ou algo que possa servir como iguaria.
Comentar Parque florestal das Sete Fontes, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Parque florestal das Sete Fontes, Ilha de São Jorge


Mirador do Baloiço e Fajã João Dias, Ilha de São Jorge

  Miradouro do Baloiço  
Beira

No acesso à Fajã João Dias, o Mirador do Baloiço oferece-nos vistas muito belas da costa e da Fajã lá abaixo. O acesso à Fajã é em terra, sendo difícil principalmente na época das chuvas.
Comentar Mirador do Baloiço e Fajã João Dias, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Mirador do Baloiço e Fajã João Dias, Ilha de São Jorge


Fajã do Ouvidor e Poça Simão Dias, Ilha de São Jorge

  Vistas da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Vistas da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Vistas da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Paisagens da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Paisagens da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Pormenor do que visitar na Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Vistas da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Vistas da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Paisagens da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Casa típica da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Pormenor da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Pormenor da Fajã do Ouvidor  
Norte Grande
  Poça Simão Dias  
Norte Grande

A Fajã do Ouvidor foi durante muito tempo a mais famosa da Ilha, bons acessos e com paisagens muito belas ao longo da descida para a Fajã é muito procurada principalmente na época balnear devido ás piscinas naturais da famosa poça Simão Dias.
É a fajã com maior numero de habitantes permanentes estando hoje já com alguma descaracterização devido à construção de casas de arquitetura moderna.
Infelizmente não pude apreciar a beleza das piscinas porque quando a visitei o mar estava agitado e não conseguimos com definição.
Comentar Fajã do Ouvidor e Poça Simão Dias, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã do Ouvidor e Poça Simão Dias, Ilha de São Jorge


Fajã da Ribeira da Areia, Ilha de São Jorge

  Arco da Fajã da Ribeira da Areia  
Ribeira da Areia
  Vistas da Fajã da Ribeira da Areia  
Ribeira da Areia

A Fajã da Ribeira da Areia, é uma interessante Fajã lávica, com uma costa bastante agreste, e com vários elementos interessantes, entre eles, o Arco da Fajã da Ribeira da Areia.
Comentar Fajã da Ribeira da Areia, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã da Ribeira da Areia, Ilha de São Jorge


Fajã da Penedia, Ilha de São Jorge

  Vistas da Fajã da Penedia  
Norte Pequeno
  Vistas da Fajã da Penedia  
Norte Pequeno

A Fajã da Penedia, apresar do acesso ser em terra, não deixa de ser interessante visitar.
Só para apreciar a paisagem enquanto se desce a serra vale a pena a visita, a Fajã da Penedia é uma das que estão menos habitadas mantendo-se ainda muito original.
Comentar Fajã da Penedia, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã da Penedia, Ilha de São Jorge


Fajã dos Cubres, Ilha de São Jorge

  Vistas da Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Vistas da Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Costa norte com as Fajãs dos Cubres e Santo Cristo  
Norte Pequeno
  Vistas da Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Vistas da Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Vistas da Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres

Talvez seja a mais visitada ou não tivesse sido a Fajã dos Cubres a vencer em 2017 a categoria Aldeias de Mar no concurso 7 Maravilhas de Portugal.
O acesso à Fajã dos Cubres faz-se por uma estrada aberta na rocha, e asfaltada em 1993, onde no inicio da descida tem um dos mais belos miradouros da Ilha de onde se pode apreciar toda a beleza da serra caindo para o mar, assim como as Fajãs de Santo Cristo, Belo e Cubres.
É na Fajã dos Cubres que se adquire o serviço de transporte em Moto4 para nos levar à Fajã de Santo Cristo.
Logo assim que entra tem no lado esquerdo a taberna do Paço, é lá que aluga o serviço, mas é também aqui nesta taberna (quiosque) que pode degustar as famosas ameijoas da Fajã de Santo Cristo.
Ao visitar a Fajã, não deixe de visitar o que resta do antigo moinho localizado no meio da lagoa, quando visitei a Fajã em 2012 ainda o moinho era privado e apesar de já não funcionar como moinho, funcionava como local de confraternização do seu proprietário, tendo eu tido o privilégio de ser convidado a visita-lo e provar os belíssimos vinhos que ele lá guardava ( Só me lembro de ter acordado o dia seguinte tendo passado a noite no moinho )
Comentar Fajã dos Cubres, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã dos Cubres, Ilha de São Jorge


Fajã da Caldeira de Santo Cristo, Ilha de São Jorge

  Cascata Pequena, no acesso à Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Cascata Pequena, no acesso à Fajã do Santo Cristo  
  Trilha que dá acesso à Fajã do Santo Cristo  
  Casas típicas ao longo da trilha de acesso à Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Trilha que dá acesso à Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  A beleza das flores ao longo da trilha que dá acesso à Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Pormenor da trilha que desce a serra em direção à Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Vista da Fajã do Santo Cristo a partir da trilha vindo da serra do Topo  
Fajã da Caldeira
  Igreja da Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  As ruas em pedra na Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Chegando na Fajã do Santo Cristo vindo da Fajã dos Cubres  
Fajã da Caldeira
  Pormenor da trilha que desce para a Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Vistas da Fajã do Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Pormenor da Fajã de Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Caldeira da Fajã de Santo Cristo  
Fajã da Caldeira
  Caldeira da Fajã de Santo Cristo  
Fajã da Caldeira

Sem dúvida uma das mais belas fajãs da ilha de São Jorge.
Talvez a sua fama e o interesse seja devido não só á sua beleza mas com certeza à dificuldade em a visitar.
Para visitar esta Fajã, tem 2 opções.
1ª opção: Caminhada, pode chegar descendo a serra do Topo por trilha até à Fajã. Esta á a maneira mais difícil, não é acessível a todos pois apesar de ser em descida são mais de 4 horas isto para pessoas em boa forma física, porque pode demorar até mais de 6 horas, o trilho tem muita rocha, muita pedra, muita lama e pode ser perigosa devido a ser escorregadia quando em época de chuva.
Mas sem dúvida que vale a pena, vai passar por paisagens e vistas incríveis, vai passar por uma das cascatas mais belas da ilha, a Cascata Pequena. Normalmente quem faz esta caminhada, passa pela Fajã de Santo Cristo e termina na Fajã dos Cubres.
A outra caminhada é partir da Fajã dos Cubres e seguir em direção à Fajã de Santo Cristo passando pela Fajã do Belo. Esta é uma caminhada mais acessível a todos, são cerca de 1 hora e não tem muitas subidas nem descidas, é um trajeto mais regular.

2ª opção: Alugar o serviço de um moto4 na Fajã dos Cubres (logo na entrada da Fajã tem um quiosque Taberna, do PAÇO, mesmo estando fechado tem lá o número de telefone do Paulo, é só ligar que ele vem fazer o serviço. Custa 25€ pessoa por viagem, 50€ ida e volta.) Se optar por usar esta opção recomendo fazer parte da trilha que desce subindo de Moto4 até à Cascata Pequena, é emocionante porque o trilho é estreito, subindo por pedras e rochas dando a sensação que vai cair a todo o momento, mas os motoristas são muito experientes, vale mesmo a pena.

Se pretender degustar as famosas ameijoas da Fajã de Santo Cristo, recomendo que o faça no quiosque do Paço, lá tem o famoso prego de atum, as lapas e claro as famosas ameijoas.
Comentar Fajã da Caldeira de Santo Cristo, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã da Caldeira de Santo Cristo, Ilha de São Jorge


Vila do Topo, Ilha de São Jorge


Localizada na ponta Este da ilha, a vila do Topo tem duas atracções importantes.
O farol e o ilhéu do Topo.
Uma coisa que questionei assim que cheguei na ponta e olhei para o ilheu foi a curiosidade de saber como é que as vacas foram lá parar. Com a curiosidade aguçada dirigi-me ao porto para ver se tinham algum barco especial para carregar as vacas e qual não foi o meu espanto quando um habitante local me explicou que vão a nado presas a um barco que as reboca para lá e claro de volta.

Uma das maiores atrações da vila, é a festa do Espírito Santo em que decoram a rua principal com flores.
Comentar Vila do Topo, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Vila do Topo, Ilha de São Jorge


Cascata do Cruzal, Ilha de São Jorge

  Paisagens nas proximidades da Cascata do Cruzal  
Santo Antão
  Paisagens nas proximidades da Cascata do Cruzal  
Santo Antão

A Cascata do Cruzal, localiza-se junto à estrada quando vai em direcção à vila do Topo pelo lado sul da ilha.
Do lado sul da estrada, tem um pequeno percurso de pouco mais de 100 metros entre a vegetação até chegar junto da cascata.
Comentar Cascata do Cruzal, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Cascata do Cruzal, Ilha de São Jorge


Fajã dos Bodes, Ilha de São Jorge

  Acesso à Fajã dos Bodes  
Fajã dos Vimes
  Paisagens da Fajã dos Bodes  
Barreiras
  Paisagens da Fajã dos Bodes  
Barreiras

A Fajã dos Bodes, localiza-se a pouca distância da Fajã dos Vimes. Para chegar a esta Fajã, quando chegar junto da igreja na Fajã dos Vimes, siga pela esquerda, vai apanhar uma estrada de chão pouco antes de entrar na Fajã dos Bodes vai ter à sua esquerda uma imponente cascata (se tiver chovido durante o dia ou no dia anterior) com um moinho de água.
Seguindo até final da fajã vai chegar a um alojamento turístico (Abrigo da Cascata), passando o alojamento (deve seguir em caminhada) vai chegar na ponte suspensa da Fajã dos Cavaletes.
Visitando a Fajã dos Vimes, não perca a visita a esta Fajã.
Comentar Fajã dos Bodes, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã dos Bodes, Ilha de São Jorge


Fajã dos Vimes, Ilha de São Jorge

  Imagens da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes
  Imagens da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes
  Imagens da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes
  Imagens da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes
  Paisagens da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes
  Casas típicas da Fajã dos Vimes  
Fajã dos Vimes

Localizada na parte sul da ilha de São Jorge, a Fajã dos Vimes é um dos locais também a não perder. A estrada de acesso à Fajã tem paisagens muito belas e vistas deslumbrantes.
Se visitar em época de chuva vai encontrar ao longo da estrada lindas cascatas e moinhos de água.
É na Fajã dos Vimes que vai encontrar a única plantação de café existente em todo o arquipélago dos Açores, assim, quando entrar na Fajã, siga em direção ao mar. Uma vez chegado à igreja, vire à direita e siga com atenção para a sua direita até ver a informação acerca do café. Vá, prove que é muito bom e aproveite a explicação em como eles plantam, colhem, torram e preparam o café.
A Fajã dos Vimes, é classificada pela Unesco como Reserva da Biosfera.
Comentar Fajã dos Vimes, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Fajã dos Vimes, Ilha de São Jorge


Pico da Esperança, Ilha de São Jorge

  Paisagens do Pico da Esperança  
Manadas
  Paisagens do Pico da Esperança  
Urzelina
  Paisagens do Pico da Esperança  
Manadas
  Paisagens do Pico da Esperança  
Manadas
  Paisagens do Pico da Esperança  
Urzelina
  Paisagens do Pico da Esperança  
Urzelina
  Memorial às vitimas do acidente aéreo no Pico da Esperança  
Manadas

Um dos locais a não perder quando visitar a ilha de São Jorge.
Antes de decidir visitar o Pico da Esperança, verifique visualmente as condições atmosféricas no local porque as condições no Pico nada tem a ver com as informações meteorológicas no resto da ilha.
A melhor forma para chegar no Pico da Esperança é apanhar a EN1 em direção à Urzelina. Pouco antes de chegar em Urzelina, tem uma ramificação para a direita para Urzelina e mantendo a esquerda vai continuar na EN1, pouco à frente tem uma rotunda, contorne e siga em direção à montanha pela EN3. 7.9Km depois a subir a montanha tem uma entrada à direita em terra de chão (em muito bom estado), siga sempre por esse estrada, vai atravessar todos os picos incluindo o Pico da Esperança, vai passar pelo memorial às vitimas do acidente aéreo em que um avião chocou contra o Pico e vai sair no outro lado da ilha na vila do Norte Grande. Neste percurso, vai poder ter vistas de ambos os lados da ilha assim como avistar a ilha do Pico.
Uma visita que vale mesmo muito a pena.
Comentar Pico da Esperança, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Pico da Esperança, Ilha de São Jorge


Urzelina, Ilha de São Jorge


Urzelina, o seu nome deriva da presença de líquenes tintureiros da urzela encontrado nas falésias da zona.
A visitar o seu porto e o centro histórico onde vai encontrar a torre de uma igreja destruída pela lava aquando de uma erupção vulcânica em 1808.
Nas proximidades é possível observar os moinhos típicos de São Jorge que usam um sistema de pás em vez de velas.
Comentar Urzelina, Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Urzelina, Ilha de São Jorge


Restaurante Sabores Soberanos, opções onde comer na Ilha de São Jorge

  Restaurante Sabores Soberanos  
Relvinha
  Restaurante Sabores Soberanos  
São Roque do Pico
  Restaurante Sabores Soberanos  
São Roque do Pico
  Restaurante Sabores Soberanos  
São Roque do Pico

No dia que chegamos à ilha de São Jorge, saímos de imediato à descoberta da ilha.
Apesar de estar chuviscando, decidimos ir assim mesmo e optamos por isso, seguir em direção à vila do Topo usando a EN1. Como estava aproximando a hora do almoço começamos por ir com atenção se encontrávamos algum restaurante de beira de estrada. Próximo à Calheta vimos este restaurante Sabores Soberanos, pareceu-nos bem e por acaso o recepcionista do alojamento onde ficamos já tinha mencionado o nome. Como tínhamos levantado cedo, feito a travessia de ferry do Faial até São Jorge apesar de ser pouco antes do meio dia já estávamos com vontade de almoçar e por isso decidimos parar.
Uma boa surpresa, fomos os primeiros, tinha umas entradas deliciosas e como prato principal decidimos experimentar o filé mignon à bulhão pato com ameijoas da Fajã de Santo Cristo.
Aproveitamos também para experimentar um vinho da ilha do Pico e sem nada planeado foi um belíssimo almoço que recomendamos a quem visite a ilha de São Jorge.
Comentar Restaurante Sabores Soberanos, opções onde comer na Ilha de São Jorge
Adicionar fotos a: Restaurante Sabores Soberanos, opções onde comer na Ilha de São Jorge


Taberna do Paço, Fajã dos Cubres, Ilha de São jorge

  As famosas ameijoas, Taberna do Paço, Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  As famosas ameijoas, Taberna do Paço, Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Taberna do Paço, Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Taberna do Paço, Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres
  Taberna do Paço, Fajã dos Cubres  
Fajã dos Cubres

Logo na entrada da Fajã dos Cubres no lado esquerdo tem um pequeno espaço onde se aluga os moto4 para ir até à Fajã da Caldeira de Santo Cristo.
Pois parece brincadeira mas é onde se come as melhores ameijoas da Fajã de Santo Cristo, mas não são só as ameijoas, as Lapas e um excelente atum e outros peixes grelhados.
Este espaço é famoso pela sua bifana de atum.
É muito importante quando comer as ameijoas saber se são frescas ou congeladas e se forem congeladas há quantos dias.
Aqui nós comemos as melhores ameijoas e as melhores lapas.
O preço apesar de ser elevado não se pode considerar caro pois estas ameijoas são apanhadas em pouca quantidade e só existem na Fajã do Santo Cristo.
Eramos 7 pessoas, comemos muito bem, bebemos melhor ainda e o preço ficou em 37€ por pessoa, não esquecendo que o proprietário abriu a taberna propositadamente para nós.
Caso pretendam deliciar-se com estas iguarias e o espaço estiver fechado, tomem nota do telefone do Paulo Cesar: +351 91 482 5419. Este número também serve para pedir ou reservar o serviço de moto4 para ir e até à Fajã de Santo Cristo.
Comentar Taberna do Paço, Fajã dos Cubres, Ilha de São jorge
Adicionar fotos a: Taberna do Paço, Fajã dos Cubres, Ilha de São jorge


Restaurante o Branquinho, Ilha de São jorge

  Restaurante Branquinho, Ilha de São Jorge  
Arrifina
  Doce típico de São Jorge  
Arrifina
  Bacalhau à Casa  
Arrifina
  Polvo à Lagareiro  
Arrifina
  Bife à Casa, Restaurante Branquinho  
Arrifina

Mais um restaurante que recomendo na ilha de São Jorge.
O restaurante Branquinho tal como todos os outros que visitamos, têm horários muito curtos, tendo em conta ao que estamos habituados.
Nós quase que não almoçávamos pois chegamos às 14:00 e essa é a hora que encerram.
Desde que chegámos a São Jorge que várias pessoas nos recomendaram este restaurante e realmente valeu a pena.
Funcionários simpáticos, comida excelente e preço justo é o que todos nós clientes procuramos.
O restaurante fica na estrada que vai da Vila de Velas para a Ponta dos Rosais, cerca de 5km de Velas.
Comentar Restaurante o Branquinho, Ilha de São jorge
Adicionar fotos a: Restaurante o Branquinho, Ilha de São jorge


Comentários
Ainda não tem comentários para
O que visitar, onde e quando visitar a Ilha de São Jorge nos Açores
Deixe o seu comentario

  Obrigado

Outros Roteiros

Da Foz à Nascente do Rio Tejo
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 999 km
Publicado por: Antonio Martins
Rota do Rio Douro
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 300 km
Publicado por: Antonio Martins
O que visitar, o que fazer em Buenos Aires
Roteiro para: Argentina
Publicado por: Angela Martins
Roteiro das praias e vilas históricas da região de Porto Seguro
Roteiro para: Brasil
Distancia a percorrer: 155 km
Publicado por: Toni Martins
Rota das Cidades Históricas de Minas Gerais
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Brasil
Distancia a percorrer: 1061 km
Publicado por: Antonio Martins
Roteiro do Paraguai e Bolívia incluindo a Rota da Morte
Roteiro para 4x4
Roteiro para: Paraguai
Distancia a percorrer: 2667 km
Publicado por: Toni Martins
Rota das Praias do Algarve
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 200km
Publicado por: Antonio Martins
Visitando a Aldeia de Pitões das Júnias
Roteiro para: Portugal
Publicado por: Toni Martins
Rota das Barragens ao Sul do Rio Tejo
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 749 km
Publicado por: Antonio Martins
Rota de Buenos Aires a Ushuaia ao longo da Ruta 3
Roteiro para 4x4
Roteiro para: Argentina
Distancia a percorrer: 3900 km
Publicado por: Antonio Martins
Roteiro das Praias da Costa Vicentina
Roteiro para Autocaravana
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 239 km
Publicado por: Antonio Martins
Do Rio de Janeiro a Santos
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Brasil
Distancia a percorrer: 589 km
Publicado por: Antonio Martins
Rota das Aldeias, Vilas e Cidades históricas do centro de Portugal
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 595 km
Publicado por: Antonio Martins
Roteiro Nápoles, Costa Amalfitana e Capri
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Itália
Distancia a percorrer: 236 km
Publicado por: Toni Martins
Escapadinha para visitar Castelo de Vide e Marvão
Roteiro para: Portugal
Publicado por: Toni Martins
Rota dos 19 Castelos da região da Serra da Estrela
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 531 km
Publicado por: Toni Martins
Rota dos vinhos, das vilas e cidades mais bonitas da Alsácia
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: França
Distancia a percorrer: 138 km
Publicado por: Toni Martins
O que visitar, onde e quando visitar a Ilha de São Jorge nos Açores
Roteiro para: Portugal
Publicado por: Toni Martins
Roteiro das vilas Medievais da Bretanha
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: França
Distancia a percorrer: 729 km
Publicado por: Toni Martins
O que visitar, onde e quando visitar a Ilha do Faial
Roteiro para: Portugal
Publicado por: Toni Martins
Rota do Rio Guadiana
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 309 km
Publicado por: Antonio Martins
Escapadinha de fim de semana a Elvas no Alentejo
Roteiro para: Portugal
Publicado por: Toni Martins
Rota Romântica da Alemanha
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Alemanha
Distancia a percorrer: 416 km
Publicado por: Toni Martins
Visitando Soajo, Lindoso e Aldeia das Pontes
Roteiro para: Portugal
Distancia a percorrer: 36km
Publicado por: Toni Martins
Roteiro dos Castelos e Palácios do Vale do Loire
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: França
Distancia a percorrer: 309 km
Publicado por: Toni Martins
8 países (Republica Checa, Áustria, Eslováquia, Hungria, Croácia, Eslovénia, Itália, Alemanha)
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: República Checa
Distancia a percorrer: 3370 km
Publicado por: Antonio Martins
Viajando por Marrocos
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Marrocos
Distancia a percorrer: 2812 km
Publicado por: Antonio Martins
Roteiro das vilas Medievais da Toscana
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Itália
Distancia a percorrer: 374 km
Publicado por: Toni Martins
Rota de Ushuaia a Chaiten no Chile via Porvenir
Roteiro para 4x4
Roteiro para: Argentina
Distancia a percorrer: 3120 km
Publicado por: Antonio Martins
Rota dos Pirenéus Espanhóis
Roteiro para Qualquer veículo
Roteiro para: Espanha
Distancia a percorrer: 668 km
Publicado por: Toni Martins
 

Porquê reservar com ROTAS TURISTICAS
Os melhores preços
As nossas parcerias com os maiores operadores mundiais, oferecem uma pesquisa dos melhores preços de mercado.
Mais opções
No Rotas Turísticas pode reservar o hotel, comprar a passagem aérea, reservar o transfer do aeroporto para o hotel e vice-versa, reservar as excursões locais, alugar o carro, fazer o seguro de viagem e consultar os locais a visitar e onde ir
Dicas & Destinos de férias
Centenas de destinos de férias com todas as opções que lhe permitem facilmente escolher o destino que melhor combina com as suas férias de sonho.


Siga-nos nas redes sociais
  

 
Rotas Turisticas
Grupo Público · 8.410 membros
Aderir ao grupo
Podem publicar fotos das vossas viagens, férias, locais que estiveram ou gostariam de estar. Podem divulgar negócios ou actividades...